Alojamento

O alojamento do evento estará localizado no Campus Trindade da Universidade Federal de Santa Catarina, mesmo local onde ocorrerá todo o evento, no Bloco B do Centro Tecnológico e também no Bloco B do Centro de Ciências da Saúde.

O Centro Tecnológico (CTC) é formado por 10 departamentos de engenharias, arquitetura e estatística. Ao seu lado, situa-se o Centro de Ciências da Saúde (CCS) que é composto por 12 departamentos de cursos da área da saúde, entre eles farmácia, medicina, nutrição e odontologia.

Os congressistas serão acomodados nas salas de aula, sendo necessário a cada participante trazer colchões ou colchonetes para dormir, além de roupas de cama, travesseiros e cobertores. Cada grupo ficará alocado em uma sala, sendo possível ter mais de um PET na mesma, e será dada prioridade para que grupos de uma mesma instituição fiquem juntos. Pedimos que evitem trazer barracas devido às limitações dos espaços das salas, porém, caso necessário, elas serão instaladas no hall e corredores dos prédios.

A estrutura contará ainda com os banheiros dos próprios prédios e de containers chuveiros, que poderão ser utilizados nos horários em que o alojamento estiver aberto, conforme descrito nas Regras do Alojamento. Durante a noite, membros da comissão organizadora estarão nos prédios à disposição para auxiliar em quaisquer imprevistos e manter a organização do local. A equipe do alojamento também irá incluir seguranças contratados, que irão fazer rondas entre os prédios e controlar as entradas e saídas.

Caso tiver alguma preferência ou necessidade especial, por favor informe no campo de observações adicionais durante sua inscrição. A lista completa com os itens necessários para o alojamento será divulgada em breve. Garanta sua inscrição.

Regras do Alojamento

Artigo 1º – A utilização da infraestrutura do Centro Tecnológico – CTC – e do Centro de Ciências da Saúde – CCS – será com a finalidade única de alojamento dos inscritos no XX SulPET, do dia 20 ao 23 de abril de 2017.

§ 1º – Fica vedada a entrada no alojamento de pessoas não participantes do evento.

Artigo 2º – Membros da organização do evento serão designados responsáveis pelo alojamento, aos quais caberão:

I – fiscalizar entradas e saídas;

II – manter um diário do alojamento, no qual será registrado quaisquer fatos relevantes;

III – deliberar sobre questões não previstas nesse termo.

Artigo 3º – Os participantes do evento serão alojados em salas de aula do Centro seguindo os critérios:

I – preferencialmente, membros de um mesmo grupo PET ocuparão uma mesma sala;

II – é possível que uma mesma sala acomode mais de um grupo PET;

III – integrantes de uma mesma universidade serão, dentro do possível, alojados na mesma sala ou em salas próximas.

§ 1º – O alojamento será misto;

§ 2º – Fica vedada por parte dos inscritos alojados em uma sala a entrada em outra sem a permissão daqueles nela alojada.

§ 3º – Os participantes que trouxerem barracas serão instalados nos corredores e hall dos edifícios, caso necessário e conforme disponibilidade de espaço.

Artigo 4º – O alojamento ficará aberto nos seguintes horários, sendo vedada a entrada fora deles, exceto em caso de emergência:

I – das 6h às 8h;

II – das 12h às 13h;

III – das 18 às 2h.

Parágrafo único – O responsável pelo alojamento ou, na ausência desse, outro membro da organização do evento decidirá o que configura emergência.

Artigo 5º – Fica proibido nas dependências do alojamento:

I – fumar, possuir e consumir bebidas alcóolicas ou qualquer droga ilícita;

II – agressões físicas e verbais.

Parágrafo único – A prática dos atos previstos nos incisos configura expulsão do evento, cabendo a averiguação dos fatos à organização do evento em decisão irrecorrível.

Artigo 6º – Fica também proibido:

I – barulhos excessivos nos alojamentos, cabendo ao responsável pelo alojamento determinar o que configura excessivo, atentando para reclamações de outros participantes;

II – pendurar toalhas e roupas em móveis, janelas, portas, ventiladores, projetores, aparelhos de ar-condicionado, entre outros locais a julgo da organização do evento. Será providenciado lugar para fixação de varal, que deverá ser trazido com os participantes.

III – mover ou utilizar os móveis e equipamentos das salas sem a permissão da organização do evento.

Parágrafo único – A prática reiterada dos atos previstos nos incisos ou a recusa em parar de praticá-los configura expulsão do evento, cabendo a averiguação dos fatos à organização do evento em decisão irrecorrível.

Artigo 7º – Os participantes deverão:

I – recolher o lixo de suas salas diariamente;

II – manter condições básicas de limpeza e cuidado com o alojamento;

III – trazer colchões, colchonetes, travesseiros, roupa de cama e quaisquer outros itens de uso pessoal.

Artigo 8º – Serão listados os itens de cada sala, pelos quais um inscrito de cada grupo PET alojado na respectiva sala se responsabilizará por quaisquer danos aos equipamentos ou patrimônio. A lista será conferida durante o evento, conforme os a comissão organizadora julgar necessário.

Artigo 9º – A organização do evento não se responsabiliza por objetos deixados no alojamento.

Anúncios